sábado, 06 outubro 2012 20:29

Caso Jorge Valério: "Policia Garante Estão presos os 4 Jovens suspeitos do Crime"

Polícia apela pais a prestarem mais atenção aos filhos para evitar crimes


O Director provincial de Luanda da Polícia de Investigação Criminal, António Pedro Amaro Neto, convocou hoje a impressa para esclarecer detalhes sobre a morte do  Jorge Valério Coelho da Cruz, de 20 anos, no passado dia 01 do corrente mês  o crime perpetrado é apontado a autoria á 4  jovens .

 António Pedro Amaro Neto desmentiu as informações postas a circular, sobretudo nas redes sociais, segundo as quais os supostos assassinos de Jorge Valério da  Cruz estariam soltos.

“Temos connosco detidos, preventivamente, quatro jovens com idades compreendidas entre os 16 e 18 anos, com indícios de terem cometido o crime, que após a conclusão das investigações serão oportunamente apresentados ao público”, garantiu.

Segundo dados policiais, Jorge Valério  Cruz  foi sequestrado em Luanda por um grupo de jovens, levado para uma zona distante do centro da cidade onde foi torturado, morto e queimado.

De acordo com o director da Polícia de Investigação Criminal, a corporação tem registado com preocupação muitas acções criminosas cometidas por crianças, adolescentes e jovens, provavelmente porque os seus pais não têm conseguido transmitir os valores cívicos e morais de que necessitam.

António Pedro Amaro Neto é de opinião que outras crianças têm a sua conduta desviada devido à má interpretação do que veem na televisão e na Internet.

“É importante que os pais conheçam as amizades dos seus filhos, o seu comportamento dentro e fora de casa e proíbam que as crianças fiquem muitas horas na Internet sem fiscalização sobre o conteúdo dos assuntos que vêm”, reforçou.

Desta forma, disse, seria possível orientar a consciência e conduta dos filhos no sentido positivo e reduzir grandemente a probabilidades de envolvimento e ocorrência de crimes hediondos.

O director provincial de Luanda da Polícia de Investigação Criminal, António Pedro Amaro Neto, apelou também  , na   sexta-feira, em Lunda , aos pais e encarregados de educação a prestarem maior atenção e terem um controlo mais eficaz sobre os filhos para que estes não se envolvam em crimes.

Comentar

     

Atualizar

Código de segurança